#

sexta-feira, 14 de abril de 2017

Relax, it's weekend #23

Bom diaaaa, bom diaaaa! E quem é que está de fim-de-semana prolongado, quem é? Euuuuu! :D 
E só porque estou bem disposta, sai um look para vossa inspiração. Não sei se já vos disse claro que já, mas a Zara está uma verdadeira TEN-TA-ÇÃO. A sério, quase que se me dá um ataque de ansiedade sempre que abro o site para passar os olhos. Não se admirem se nas sugestões dos próximos tempos apenas constarem peças de lá. E aqui que ninguém nos ouve, no que toca a lojas "fast fashion" a Zara é a boss delas todas.
No menu de hoje, sai um look mais divertido, porque estes dias de sol pedem mesmo isso. Bordados, riscas, aplicações, um mix and match que na minha opinião resultou muito bem. E por falar em bordados, já repararam na QUANTIDADE de peças que existem nas lojas dentro desse género? É "A" tendência (umas das, vá).  

T-shirt ZARA (aqui) | Jeans ZARA (aqui) | Mala ZARA (aqui) | Sapatilhas ZARA (aqui)


Bom fim-de-semana, boa Páscoa, enfardem folares, amêndoas e coelhos de chocolate à vontade que isto da Páscoa é só uma vez por ano (já essas iguarias todas são capazes de durar até ao Natal. Nas vossas ancas, rabo, barriga e afins. Wuuaaahhh).

quinta-feira, 13 de abril de 2017

Skyr: o fenómeno do mundo lácteo


Antes de mais e só para que se conste, quem nunca ouviu falar deste iogurte é porque anda no mundo só por ver andar os outros. Anda um corre-corre diabólico atrás destas 150g de iogurte, quais Louboutin ao preço da chuva, que é impossível passar ao lado deste fenómeno do mundo lácteo.

Mas o que de tão fenomenal e de tão fantabulástico tem o raio do iogurte para estar sempre esgotado e para vermos pessoas a levar paletes deles para casa (quando os há)?

Assim, de forma muito simples e directa, para além do excelente marketing, apresenta dois factores sobejamente desejados pela "malta do fitness": rico em proteínas e bastante baixo em gordura. Conclusão: é um bom aliado para quem procura estar em forma.

Além disso, o Skyr - produto lácteo islandês produzido com leite pasteurizado magro - é uma excelente fonte de cálcio, sendo produzido com 3 ou 4 vezes mais de leite do que um iogurte normal.
Mas os benefícios não ficam por aqui. A saber:
- Estimula o sistema imunitário;
- Promove o aumento da absorção de cálcio, vitaminas e sais minerais;
- Melhora o transito intestinal;
- Pode ajudar a diminuir o risco de osteoporose (devido ao elevado teor de cálcio) bem como os níveis de colesterol.

Apesar dos benefícios deste iogurte - já confirmados por nutricionistas -, existe alguma controvérsia em torno do tema: será ou não será tão benéfico assim? Valerá ou não valerá a pena a correria para o Lidl? Não passará tudo de marketing? Moda fitness?! Ah, porque o iogurte não é tão fantástico assim. Ah, porque não é o facto de ter umas gramas a mais de proteína que vai fazer dele o melhor iogurte do mundo e arredores. Ah, porque não é um iogurte, é um queijo. Ah, e porque a malta já abusa na quantidade de proteína que come, como tal, não precisa do Skyr para nada. Bom senso, é uma questão de bom senso, como em tudo nesta vida.

quarta-feira, 12 de abril de 2017

Foi o melhor que se arranjou #261


Não me lembro de um mês de Abril assim tão soalheiro. Por norma, faz jus ao ditado "Abril águas mil". Até mesmo a Páscoa costuma ser sempre de chuva. Calma, PÁSCOA? Como é que já estamos na Páscoa?! Isto não está a passar depressa demais? Páscoa, e não tarda é Verão, e não tarda é o Agitágueda, e não tarda são as férias de Verão, e não tarda entro nos trinta, e não tarda é Outono, e não tarda é Natal, e... ME-DO. Alguém esqueceu-se de me dizer que a partir dos 25 o tempo não passa, o tempo foge.
Bom, voltemos a falar de coisas giras: os dias de sol. Não sei se estas temperaturas de Verão vieram para ficar, mas o primeiro dia de praia já ninguém me tira. Fazer praia em pleno mês de Abril é algo inédito nos meus vinte e nove anos de vida (tão inédito que as minhas unhas dos pés nem estavam preparadas para ver a luz do sol). E que bem que soube! A vitamina D faz-nos bem. Deixa-nos mais alegres, mais bem dispostos e com mais energia. Avinha-se um fim-de-semana prolongado e espero que seja produtivo. Que dê para descansar e recarregar baterias, e também para pôr aqui o estaminé com os assuntos em dia. Vocês reclamam e eu também tenho saudades. Até já 

terça-feira, 11 de abril de 2017

#nãotens7vidas #2: os treinos


Já passou quase um mês desde a primeira consulta de nutrição da Rita (amanhã temos a segunda) e, nos entretantos, os treinos com o PT Bruno Gonçalves também já estão a decorrer. Foi feita avaliação física e o plano traçado foi o seguinte: treino em grupo com uma componente mais metabólica e treino mais especifico e individualizado de forma a melhorar postura e tirar o máximo de rendimento no trabalho metabólico.

A par disso, a Rita continua a frequentar o seu ginásio como habitualmente - faz parte daqueles que conseguem acordar com as galinhas e ir ao ginásio às 7h da matina (palminhas, muitas palminhas) - e costuma vir treinar comigo na box de Crossfit uma vez por semana (ontem falhou-me, mas os burpees estão garantidos, ah! ah! ah!). Digamos que arrastei-a comigo uma vez e acabou por apanhar-lhe o gosto. Só falta experimentar o treino de bootcamp, mas está para breve.

Ter ganho este passatempo foi, sem duvida, um boost de motivação e a Rita tem andado super focada no seu objectivo. E feliz também, que é o mais importante. Estamos super ansiosas pelos resultados da próxima consulta de nutrição e eu tenho a certeza que serão positivos e serão mais uma fonte de motivação. A Rita tem noção que apesar de já ter conseguido incutir alguns dos bons hábitos alimentares, ainda precisa de ser mais disciplinada, no entanto, já sente diferenças ao nível da zona abdominal e das pernocas. Amanhã já vamos ver o que a balança nos diz sobre este primeiro mês de "#nãotens7vidas".

sexta-feira, 7 de abril de 2017

Relax, it's weekend! #22

Vamos voltar aos bons costumes e às sugestões de fim-de-semana tal como era hábito? Caso contrário, não há livro de reclamações que resista e um dia destes ainda pedem insolvência aqui do estaminé e não queremos nada disso, pois não?

Bom, mal bati de frente com este body decidi logo que iria conjugá-lo na sugestão de hoje. Vocês bem sabem que adoro bolinhas e este body está super, super fofo. O padrão por si só faz a festa toda, mas aquele drapeado dá-lhe ainda mais graça. Agora, um conselho de amiga: mantenham-se afastadas da Zara como se de uma epidemia se tratasse e não caiam na tentação de digitar www.zara.pt. Ou isso, ou, minhas amigas, desgraça orçamental na certa. Tantas, mas tantas peças giras!! A sério, dá vontade de comprar tudo.
Quanto às restantes peças, é fazer o favor de entregar na morada do costume.


Body ZARA (aqui) | Jeans ZARA (aqui) | Mala CaféNoir (aqui) | Sapatilhas Replay (aqui)


Bom fim-de-semana de sol.

quinta-feira, 6 de abril de 2017

Crossfit e um dicionário para totós se faz favor

Crossfit AGD

A minha forte apetência para a actividade física já não é novidade para vocês. Treinar para mim não é obrigação, muito menos moda. É prazer, é diversão, é paixão, é superação, é o meu anti-stress, é o meu momento de relaxe (mas alguém relaxa a levar "porrada" no lombo?! :D). É um estilo de vida.

Também já deram conta que estreei-me recentemente numa nova modalidade: o Crossfit. Estava meeeeeesmo a precisar de algo novo, algo que exigisse mais de mim, que fosse mais estimulante e motivador. Há muito que o meu corpo e mente acusava rotina e isso é tudo menos bom.

Depois de quase dois meses a "crossfitar" o balanço é bastante positivo. Posso dizer que ganhei um novo vicio e uma nova paixão. Já para não falar do boost de energia. O corpo estava mesmo a precisar de sair da rotina e a prova disso foi a sua reacção imediata a este estimulo diferente. Em menos de um mês perdi 2% de massa gorda (partilhei aqui o meu estado de euforia). Além disso, vejo a minha performance a melhorar de dia para dia o que torna tudo ainda mais motivante. Modalidades há muitas, mas no que toca a optimizar a performance e composição corporal, o Crossfit é das mais eficientes.

Uma das características desta modalidade é precisamente promover a melhoria da condição física e, por consequência, obter resultados expressivos na redução da gordura corporal e aumento da massa muscular.

O Crossfit é um programa de força e de condicionamento físico com movimentos funcionais, variados e executados em alta intensidade, logo, explora todas as capacidades físicas, preparando a pessoa para qualquer tarefa. O treino associa exercícios de ginástica, levantamento de peso e de atletismo, sendo um tipo de treino baseado na alta intensidade e no consequente aumento do desempenho nos exercícios de velocidade, agilidade, força e flexibilidade. É, por isso, um treino muito completo, dinâmico e acima de tudo muito motivante. E as vantagens são mais que muitas, a saber:

* Definição e fortalecimento corporal;
* Queima gordura não só durante, mas também após o treino (o chamado metabolismo basal);
* Aumento da força e condicionamento físico;
* Melhoria da flexibilidade e coordenação motora;
* Melhoria do funcionamento do sistema cardiovascular e cardiorespiratório;
* Aumento da resistência e ganho de massa muscular;
* Aumento de energia, auto-estima e auto-confiança bem como redução do stress (no fundo, esta vantagem está associada a qualquer actividade física).

quarta-feira, 5 de abril de 2017

Perdida de amores #41

Replay 89€
Podemos ser felizes juntas esta Primavera?

terça-feira, 4 de abril de 2017

Juntos Para Sempre


Ontem, tive oportunidade de assistir à antestreia do filme "Juntos Para Sempre", que teve lugar no cinema NOS do Norteshopping.

Um dos programas que mais gosto de fazer é, sem dúvida, ir ao cinema, mas nunca me aconteceu fazê-lo a uma segunda-feira. Gosto de começar a semana a treinar, mas começá-la a "cinemar" também não é nada mau pensado, até para quebrar a rotina. Bom, tirando a parte das pipocas que neste momento andam por aqui a sassaricar enquanto não se decidem pelo melhor sitio para viver, tipo no rabo, nas pernas ou no meu pseudo-futuro-e-duvidoso-six-pack (mas logo já lhes conto uma história, wuuaaahhh). A minha conta bancária também preferia que tivesse ido treinar, diz que teria ficado bem mais barato. Digamos que encontrei as sapatilhas de corrida que andava à procura e que até estavam com promoção (20% em cartão) e, bom, o resto da história já vocês imaginam. Era uma necessidade já que as minhas Pegasus azuis lindonas estão com algum desgaste o que, ultimamente, provocava-me algum desconforto durante a corrida (nomeadamente, canelites). Nisto, as sapatilhas de crossfit ficaram para segundo plano até porque o grau de necessidade não é assim tãoooo grande (mas mais mês menos mês lá terá que ser).
Ora, investimento do mês feito significa não-há-mais-nada-para-ninguém-até-ao-inicio-do-próximo e eu gostava muito de me ter lembrado disso antes de entrar na loja da Adidas e da Nike. É pecado sair de lá de mãos a abanar. Ver tanta coisa gira e ficar ali, completamente maravilhada, a augar por todos os lados para depois virar costas e sair com aqueles olhinhos de cachorro abandonado. Pobreza, senhores, que porbreza (snif, snif). 
Mas vá, não vamos dispersar mais (é no que dá não trocar uns dedos de conversa com vocês há bastante tempo) e vamos falar do filme, mas nãoooo, não vou dar uma de spoiler.

"Juntos Para Sempre" é daqueles filmes para toda a família. É para quem adora cães e para quem os trata com o devido respeito, mas também devia chegar a quem os maltrata e é capaz de deixá-los ao abandono, talvez apelasse ao coração.
Admito que há uma ou duas passagens que possam sensibilizar mais por também dar a mostrar a triste realidade dos animais, mas, no geral, é um filme muito bonito e tanto desperta para a gargalhada como nos deixa ali de lágrimas nos olhos de emoção. O final é muito comovente, daqueles para sacar dos lenços da carteira e para nos deixar a pensar. Ficou-me na mente uma frase: "a vida é um mistério". Parece cliché e à primeira vista a frase não diz nada demais. Mas para mim a frase diz tanto de tão pouco que diz. Talvez seja pelo momento em que é dita e pelo desenrolar da história em si que a torna mais significante. Afinal, quantas e quantas são as vezes que questionamos o nosso propósito ou o propósito de algumas situações com que nos deparamos ao longo da nossa vida?

O filme estreia na próxima quinta-feira (dia 6). É um emocionante tributo ao melhor amigo do homem e acho que vale bem o valor do bilhete (e das pipocas). 


P.S.: gostava muito de ver o filme "A Bela e o Monstro" e o "100 metros". Algum de vocês aí já viu? Gostaram? Vale a pena emborcar mais quilo e meio de pipocas?